IV – DIMENSÃO: ADMINISTRAÇÃO COMPETENTE E TRANSPARENTE

Atualizado: 7 de jun.


EIXO 1 – Gestão administrativa A gestão universitária é necessariamente participativa, envolvendo professores, funcionários e alunos em todas as instâncias e colegiados, e promovendo o intercâmbio com as comunidades urbanas e regionais envolventes. Deve ser uma gestão que pratique a transparência de suas ações e se paute pelas demandas e críticas de todos os setores da UFF. Que alimente o diálogo sobre as questões para que as decisões sejam tomadas com maturidade e fundamento técnico e sejam representativas da maioria. Cabe-nos, portanto, revigorar um dos melhores instrumentos de gestão democrática da UFF, o PDI, Plano de Desenvolvimento Institucional, criado para combinar de modo inteligente a participação integrada de todos no planejamento e a viabilização eficiente das nossas aspirações. NOSSAS PROPOSTAS, NOSSOS COMPROMISSOS: ◊ Reativar o PDI - Plano de Desenvolvimento Institucional, uma ferramenta administrativa essencial para a realização de uma gestão democrática. Considerando o cenário de escassez de recursos, o PDI é a ferramenta de gestão mais adequada para o gerenciamento dos recursos financeiros e do projeto político-pedagógica da UFF, visando o alcance dos seus objetivos e metas. ◊ Criar um plano estratégico de gestão para a próxima década, independente de quem venha gerir a Universidade (Plano Plurianual integrado ao PDI). ◊ Instituir de modo efetivo uma Comissão Permanente de Acompanhamento e Controle do PDI, a qual deverá anualmente prestar contas de sua efetivação por intermédio de relatórios abertos a toda a comunidade. ◊ Ampliar o Princípio da Gestão Democrática previsto em Lei (CF., Art. 206, VI ) ◊ Reforçar as ações da Ouvidoria e ampliar a sua efetividade (ampliar a comunicação entre as partes e ampliar a visibilidade do órgão). EIXO 2 – Universidade transparente O processo de financiamento e execução orçamentária, na nossa perspectiva, deve ser norteado por três princípios: o respeito aos ordenamentos, à descentralização e à participação. O respeito aos ordenamentos será garantido pelo encaminhamento com tempo suficiente para o debate da proposta de orçamento anual pelo Conselho Universitário, com o envolvimento dos órgãos técnicos competentes. Descentralização e participação, por sua vez, serão mecanismos para a construção de um orçamento que, prioritariamente, seja planejado pelas instâncias e dirigentes mais próximos das necessidades de custeio e que seja executado pelas instâncias dirigentes próximas às necessidades de gasto. Dessa maneira ganha-se em racionalidade na aplicação dos recursos e em avanço nos benefícios alcançados pelos recursos disponíveis, além de eliminar os riscos de utilização política da distribuição para as unidades. NOSSAS PROPOSTAS, NOSSOS COMPROMISSOS: ◊ Lutar por mais verbas para a UFF junto aos órgãos governamentais, junto ao Congresso Nacional, órgãos de fomento e outras instâncias de governo; e, ao mesmo tempo, defender a sustentabilidade orçamentária da nossa Universidade; ◊ Buscar mecanismos para reverter a redução do orçamento das universidades públicas e lutar pela recuperação dos recursos orçamentários da UFF, fatores essenciais para a manutenção das despesas de pessoal, da política de assistência estudantil e do financiamento das pesquisas; ◊ Ampliar a transparência no sentido de tornar público através da página da universidade, todos os recursos do PDI, da livre ordenação e infra predial - os dois últimos repassados às unidades de ensino, bem como as prestações de conta desses recursos. ◊ Aprimorar o acompanhamento e controle (através do site da UFF) dos recursos da Fundação Euclides da Cunha por intermédio da divulgação periódica da movimentação financeira, bem como a dotação orçamentária destinada a cada projeto e sua respectiva movimentação financeira em termos de bolsas. EIXO 3 – Infraestrutura universitária Na gestão 2006-2014, o Reitor Roberto Salles obteve um desempenho brilhante (segundo o próprio ministro da Educação, Fernando Haddad) ao administrar bem os recursos financeiros provenientes do REUNI - Programa de reestruturação e expansão da universidade – implantado pelo MEC para melhor a infraestrutura das Universidades federais. Foram construídos e inaugurados 25 prédios para diversas Unidades acadêmicas, tanto em Niterói como nos municípios do Estado do Rio de Janeiro. Das 30 obras iniciadas por Roberto Salles, 25 foram acabadas entregues à comunidade universitária. Somente 5 (cinco) prédios ficaram para terminar, porém todas com mais de 50% das obras iniciadas. Esse trabalho de gestão permitiu a maior expansão dos campi da UFF, constituindo-se no maior crescimento da UFF em toda a sua história. Os campi do interior do estado do Rio também foram beneficiados com novos prédios e abertura de novas vagas, tanto para docentes como para estudantes. NOSSAS PROPOSTAS, NOSSOS COMPROMISSOS: ◊ Tornar efetivo o funcionamento da Escola de Governança da UFF para retomar, após 8 anos, as ações que permitam o complemento das obras não acabadas pelos dois reitores que administraram a UFF nesses período; ◊ Suprir vagas por concurso público ou redistribuição de cargos que não tem TAEs atuando na universidade, atendendo ao vasto quadro de vagas previsto no PCCTAE. ◊ Promover concursos para contratação de Assistente-Administrativos para atendimento exclusivo em bibliotecas/arquivos do sistema. Vale lembrar que não há mais contrato de prestadores de serviços no sistema; ◊ Realizar estudo detalhado das necessidades de técnicos de laboratório para os grupos de pesquisa, com a contratação de técnicos PROCONTES, vinculados à Pró-Reitoria de Pesquisa e disponibilizados para projetos específicos, Centros de Pesquisa e Centrais Multiusuários. ◊ Implantar sistemas tecnológicos, ferramentas e sistemas informatizados que agilizem os processos das progressões, promoções, abono permanência, pensões e período de contagem de tempo especial. Apesar da competência e dos esforços dos docentes e TAEs que trabalham na CPPD e dos TAEs dos setores administrativos da Reitoria, os processos enfrentam diversos “gargalos” por falta de ferramentas e sistemas informatizados modernos; ◊ Agilizar, simplificar e padronizar procedimentos administrativos que possam agilizar as ações referentes aos recursos humanos capazes de contribuir para o desenvolvimento da docência e da carreira dos professores na CPPD; ◊ Implantar práticas de gestão de pessoas que possibilitem que as atividades-meio potencializem a realização das atividades fim, com a finalidade de contribuir para o alcance dos objetivos e das metas da UFF. EIXO 4 – Relação com os Campi da UFF no Estado A UFF é uma universidade com raízes históricas ligadas ao Estado do Rio de Janeiro, por isso, precisa sintonizar-se com as demandas que o desenvolvimento do Estado impõe, particularmente no que diz respeito à formação de pessoas e ao desenvolvimento das tecnologias nos diversos segmentos estratégicos do Estado. Por essa razão, sem perder o caráter do público, a Universidade precisa se colocar como agente de desenvolvimento regional, articulando-se com os poderes públicos municipais, estaduais e federais e também com as diversas organizações, públicas e privadas, participantes dos clusters de desenvolvimento local. NOSSAS PROPOSTAS, NOSSOS COMPROMISSOS: ◊ Incentivar uma efetiva e consistente política de ensino, pesquisa e extensão nos campi da UFF presentes nos diversos municípios do Estado do Rio de Janeiro, de modo que o conjunto do fazer universitário atenda às demandas necessárias ao desenvolvimento do nosso Estado; ◊ Padronizar as rotinas administrativas e acadêmicas em toda a UFF, a fim de tornar comparáveis os procedimentos e documentos administrativos (exemplo, Recursos Humanos) e procedimentos acadêmicos relativos aos cursos análogos em Unidades distintas; ◊ Completar as obras das Unidades dos campi da UFF presentes nos diversos municípios, e avaliar as necessidades de ampliação e adequação das áreas construídas nesses campi da UFF; ◊ Incentivar cada vez mais a autonomia financeira, administrativa e acadêmica de cada Unidade nos campi da UFF presentes nos diversos municípios.

24 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo